Quarta-feira, 9 de Maio de 2007

Alguém tem um alfinete?

Sinto-me que nem um balão ao Sol prestes a rebentar e a disparar para todos os lados...
sabem qual é a sensação?!
Pois é... mas estou a precisar de ajuda... que alguém me espicace um bocadinho mais... só falta um bocadinho...

Mas na verdade nem sei mesmo se quero rebentar... depois vêem as consequências!!

Acho que vou continuar a meter para o saco... sabem é que eu tenho um saco, que ao longo dos últimos anos tenho vindo a encher de n coisas... ele já está mais do que cheio, e por mais que eu diga que já chega de saturar mais o saco, vou continuando a empurrar, empurrar e empurrar um bocadinho mais...

Mas o saco é feito de materiais delicados, que nem eu, e um dia destes rebenta bem sei, mas acho que vou ver até onde ele aguenta....
Hoje estou...:
publicado por Carla às 13:18
link do post | comentar | favorito
22 comentários:
De barafundida a 9 de Maio de 2007 às 16:40
Não querendo ser má influência, como pestinha que sou... desata o saco, antes que ele rebente!
A sério ficas melhor contigo, e não é tão grave como a explosão no caso de rebentar.
Não guardes tudo para ti, se fores dizendo as coisas à medida que elas têm de ser ditas, não acumulas, e
não andas sempre a pensar no mesmo. Diz logo e pronto... não pensas mais no assunto!
Bjs
De Carla a 9 de Maio de 2007 às 17:50
Agora percebo porque dizes que és boa a dar conselhos... pois sei que tens razão, resta saber se és tão boa conselheira para ti mesma... Mas sabes que, por vezes, é mais fácil chegar lá...áquilo que deveriamos fazer, do que propriamente fazer... mesmo que o presente seja não voltar a pensra no assunto!
Eu hei-de chegar lá...
bjs
De tontixa a 9 de Maio de 2007 às 17:33
É melhores prestares atenção aos conselhos sábios da amiga Barafundida , olha que ela sabe o que diz.
Acredita em mim, que eu sei o que estou a dizer.
Deves estar a pensar, quem é esta? De onde é que ela saiu?
Pois eu digo-te que já te conheço daqui desde Março, e só hoje arranjei coragem de fazer um comentário e também decidi criar o meu blogue.
Estás convidada a visitá-lo, ok? aparece.
De Carla a 9 de Maio de 2007 às 17:46
Já visitei... e deixei-te lá uma mensagem.
Obrigado por vires até aqui! Volta sempre...
De barafundida a 10 de Maio de 2007 às 06:16
Pois é como vês... a situação ingrata da minha vida:
Faz o que eu digo, não faças o que eu faço.

Agora com testemunhas reais e tudo!
Bjs para as duas.
De Carla a 10 de Maio de 2007 às 16:13
Não acredito que tudo o que faças seja assim tão condenável...
Bjs
De barafundida a 10 de Maio de 2007 às 16:35
Há uma pessoa que acha que não, mas vindo dali é suspeito...

De qualquer modo, e por mais doloroso que possa estar a ser, estou a resolver a questão de uma vez por todas.
Tem de ser não vale a pena adiar, the time is now!
Vai fazendo stock de klenex que eu vou precisar...
Bjs
De Carla a 10 de Maio de 2007 às 17:12
Pois...
Mas eu faço o stock... e cá estarei também!
Bjs
De tontixa a 10 de Maio de 2007 às 11:31
Olá, espero que hoje estejas mais tranquila.
Como se costuma dizer a vida é como os interruptores, umas vezes está para cima outras está para baixo. Há dias assim.
Fica bem.
Ah! e gostei da tua visita...
De Carla a 10 de Maio de 2007 às 16:15
Nada como um dia após o outro... onde é que eu já ouvi isto?!
Pior é que às vezes são precisos muitos dias... como já deves ter reparado eu sou das stressadinhas...
De tontixa a 10 de Maio de 2007 às 16:37
Já não deve ser novidade o que eu vou escrever, mas eu tenho a impressão de que se tu escrevesses e assinasses com o nome barafundida eu nem iria dar por nada. Acho vocês tão parecidas, pelo menos na maneira de se expressarem.
Esta frase é déjà vu, mas é verdade, por incrível que pareça.
De barafundida a 10 de Maio de 2007 às 16:38
Is that you... is that me?!?
De tontixa a 10 de Maio de 2007 às 17:08
que engraçadinha
De Carla a 10 de Maio de 2007 às 17:10
Então era esta tua amiga?!
De barafundida a 10 de Maio de 2007 às 17:41
Sabes que eu "loira"?!?
Se estás a pensar na amiga que já não sabe se te está a ler a ti ou a mim, sem ver o nome de quem escreveu... sim é esta.
Bjs
De tontixa a 10 de Maio de 2007 às 17:57
are you talking about me?
De oamante a 10 de Maio de 2007 às 16:37
Penso que tens um problema facilmente solúvel: não metas tudo no mesmo saco!
Já dizia Aristóteles (acho) que todos nós levamos dois sacos: um no peito, outro nas costas.
Estes sacos servem para levarmos os nossos problemas (ao peito) ou os problemas dos outros (às costas).
Assim, se houver equilíbrio entre os nossos problemas e os número de problemas dos outros, temos a vida equilibrada, agora se temos muitos problemas, inclinamo-nos para a frente e não vemos o caminho, se temos muitos problemas dos outros, inclinamo-nos para trás e é igual.
De modo, que tens de separar bem os teus problemas. Primeiro ver quais são teus e se estão no saco correcto e depois pesá-los com os problemas dos outros, para ver quais pesam mais. se os teus, se os dos outros.
É que às vezes parece-nos ter tantos e tão grandes problemas e depois reparamos que os nossos diante de outros são... ínfimos!
De modo, que descansa, porque se tu dizes que danças é porque encontraste o teu equilíbrio e, por isso, os teus dois sacos estarão apenas meio-vazios.
Calma! Vive a vida devagar, cada dia por si!
De Carla a 10 de Maio de 2007 às 17:07
É engraçada a teoria dos sacos, e de facto acho que meto tudo no mesmo... se calhar por absorver demasiados problemas dos outros como se fossem meus.
Vou tentar fazer esse exercício... afinal deve ser bem mais fácil do que separar o lixo... e desta vez não é prol do ambiente, mas em prol de mim mesma!
E tens razão, a dança dá-me muito do equilíbrio que necessito...exige muito de mim, muita concentração (senão não há pose sensual, nem olhares penetrantes... e deixa de ser uma sevilhana bem feita!!)
De barafundida a 10 de Maio de 2007 às 17:34
Começa com essa conversa do "sensual", e ainda acabas a fazer as malas e a embarcar para a Madeira!!!
De Carla a 10 de Maio de 2007 às 17:45
Nunca!!!!
Por todos os motivos e mais alguns... e estás a ver-me a viver numa ilha, isolada, não estás?! Aí é que eu seria uma mulher verdadeiramente insuportável...
Jamais....
De tontixa a 10 de Maio de 2007 às 18:00
Ó Carla mas é uma ilha deslumbrante, linda, pensa lá bem...tudo bem se for a pensar a fundo no assunto também fico a sentir-me um bocado claustrofóbica
De Carla a 10 de Maio de 2007 às 18:09
Sim de facto é muito bonita... mas não preciso nem pensar ... para além da claustrofobia inevitável eu sou também demasiado urbana!! Preciso de agitação a vários níveis.

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Quero férias!!

. A magia da noite

. 7 verdades sobre mim...

. ... e outra vez!

. Fui nomeada uma...

. Cansada...

. Íman

. Que saudades...

. ...

. Pequeninas grandes coisas...

.arquivos

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds