Terça-feira, 30 de Janeiro de 2007

De saltos altos... mas completamente em baixo

Por mais alto que os saltos nos elevem, nós mulheres também temos os nossos momentos completamente em baixo... estou num desses momentos, que dura, dura e dura, que nem as pilhas Duracell, mas também não me apetece falar dele, e é por estar num desses momentos que tenho falhado com posts. Ontem li uma entrevista (já não me lembro de quem) de uma mulher que dizia que quando calçava os seus saltos altos ficava mais confiante... deve ser mais ou menos como aqueles actores (e não só) que se dizem tímidos mas quando entram em palco viram verdadeiras feras... Mas é verdade uma mulher de saltos altos aparenta aos outros como sendo mais confiante senão tentem visualizar com outra ao lado pouco arranjada e sem saltos... pois é! Mas sabem uma coisa? Por vezes é só aparência... por vezes as circunstâncias da vida não nos deixam ser muito confiantes, mas vale a altivez com que enfrentamos o mundo, cheias de medos por dentro mas com a capacidade de não o mostrar por fora. Vida complicada a das mulheres, e com isto só venho reforçar a ideia da maioria dos homens de que as mulheres são complicadas... sim somos, mas só um bocadinho, e isto só porque pensamos muito, pensamos demais, tudo tem de ter um sentido (seja ele qual for) para nós. Nós mulheres temos uma árdua tarefa no dia-a-dia: o homem que temos como companheiro e o mundo em geral exige que sejamos boas em todos os sentidos, ou seja, temos de ser giras, cuidarmo-nos devidamente, ser inteligentes, boas profissionais, boas donas de casa, boas mães, sexualmente activas, simpáticas com o mundo, de preferência que não tenhamos muitos problemas sejam eles quais forem... e nós o que é que nós exigimos?! Nós somos as que temos fama de complicadas, mas o certo é que não exigimos tanto...
Hoje estou...:
publicado por Carla às 13:07
link do post | comentar | favorito
3 comentários:
De Lobo Mau a 30 de Janeiro de 2007 às 14:42
O ser humano seja homem ou mulher é complicado por natureza e pouco abrupto a mudanças. Mas o homem quando tem dias maus não há saltos que ajudem nem que seja só na imagem exterior. Porque quando estamos lixados estamos lixados.
O que te posso dar é uma mensagem de esperança e gostaria de ver esse olhar forte acompanhado de um sorriso bonito.

Amo-te
De oamante a 6 de Fevereiro de 2007 às 10:06
Mania das mulheres: vocês não são complicadas, a complicação é que é mulher! Lol. Era só a brincar para ver se tirava um sorriso desses lábios!
Às vezes, a Vida parece pregar-nos partidas e castiga-nos por erros que nem foram nossos.
Mas, se não podemos fazer nada para evitar essas punições, podemos ao menos olhar para nós e dizer: «Ei, isto não é o fim do mundo. Vou continuar!». Eu sei que falar é fácil, mas quando estou assim socorro-me do meu signo: Áries, apesar de não acreditar nos signos do zodíaco.
Temos de ir buscar forças ao fundo de nós mesmos, nas nossas memórias.
E porquê? Porque o mundo precisa de nós, todos. Já experimentaste desmanchar um relógio? Eu já: aquilo é um monte de peças e mais peças lá por dentro, cada uma mais pequena que a anterior.
E sabes de uma coisa: quer retires uma peça pequena, quer seja uma grande, o resultado é sempre o mesmo: o relógio não funciona.
Tu funcionas para mim... anima-te e sorri porque o Amante chegou.
Vá lá!
De Carla a 7 de Fevereiro de 2007 às 14:59
Conseguiste o sorriso!!

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Quero férias!!

. A magia da noite

. 7 verdades sobre mim...

. ... e outra vez!

. Fui nomeada uma...

. Cansada...

. Íman

. Que saudades...

. ...

. Pequeninas grandes coisas...

.arquivos

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds